Commit da65490c authored by Bruno Thomazi Zanette's avatar Bruno Thomazi Zanette 🎱
Browse files

Update README.md

parent d2abb99f
# ERGANE - Arqueologia Digital para o Ensino
ERGANE: Arqueologia Digital na Educação é um projeto de extensão que integra o Laboratório de Ensino de História e Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (LHISTE-FACED/UFRGS). Tem como princípio fundante a acessibilidade ao patrimônio arqueológico, muitas vezes distante das/dos estudantes da Educação Básica, a partir do seu uso como documento interrogante e interrogado para o estudo das sociedades do passado e a criação conjunta de sentidos e significados acerca deste. Ao direcionar-se à Arqueologia Digital, o projeto busca incentivar a atitude historiadora de estudantes, prezando pelo protagonismo destes no processo de ensino e aprendizagem, abordando documentos que possam romper com a quase exclusividade das fontes escritas enquanto documentos da história (muitas vezes direcionados à pré-história ou colocados enquanto secundários diante das fontes escritas de sociedades não-ágrafas). Assim, tem por objetivo principal a criação e utilização de modelos digitais de artefatos arqueológicos para a produção de ferramentas mais inclusivas que visem a democratização do acesso ao patrimônio cultural e a sua discussão no Ensino de História. Entre seus objetivos específicos está: a produção de simulações tridimensionais de artefatos arqueológicos (através do software livre Blender); a construção de propostas de aulas com tais simulações; a realização de oficinas sobre modelagem 3D e suas aplicações em ambiente escolar; e a construção de um banco de materiais pedagógicos com as simulações digitais disponibilizadas, para download e visualização, no repositório [Sketchfab](https://sketchfab.com/Ergane).
ERGANE: Arqueologia Digital na Educação é um projeto de extensão que integra o Laboratório de Ensino de História e Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul ([LHISTE-FACED/UFRGS](https://www.ufrgs.br/lhiste/category/lhiste/)) e o CTA. Tem como princípio fundante a acessibilidade ao patrimônio arqueológico, muitas vezes distante das/dos estudantes da Educação Básica, a partir do seu uso como documento interrogante e interrogado para o estudo das sociedades do passado e a criação conjunta de sentidos e significados acerca deste. Ao direcionar-se à Arqueologia Digital, o projeto busca incentivar a atitude historiadora de estudantes, prezando pelo protagonismo destes no processo de ensino e aprendizagem, abordando documentos que possam romper com a quase exclusividade das fontes escritas enquanto documentos da história (muitas vezes direcionados à pré-história ou colocados enquanto secundários diante das fontes escritas de sociedades não-ágrafas). Assim, tem por objetivo principal a criação e utilização de modelos digitais de artefatos arqueológicos para a produção de ferramentas mais inclusivas que visem a democratização do acesso ao patrimônio cultural e a sua discussão no Ensino de História. Entre seus objetivos específicos está: a produção de simulações tridimensionais de artefatos arqueológicos (através do software livre Blender); a construção de propostas de aulas com tais simulações; a realização de oficinas sobre modelagem 3D e suas aplicações em ambiente escolar; e a construção de um banco de materiais pedagógicos com as simulações digitais disponibilizadas, para download e visualização, no repositório [Sketchfab](https://sketchfab.com/Ergane).
* Participantes: Vander Gabriel Camargo, João Vinícius Chiesa Back e Bruno Zanette.
......
Markdown is supported
0% or .
You are about to add 0 people to the discussion. Proceed with caution.
Finish editing this message first!
Please register or to comment